Deficiente-Fórum

..:: Deficiente-Forum - Inclusão Social ::.. => Classificados => Tópico iniciado por: Pantufas em 08/05/2017, 14:07

Título: Movimento pretende promover empregabilidade das pessoas com deficiência
Enviado por: Pantufas em 08/05/2017, 14:07
Movimento pretende promover empregabilidade das pessoas com deficiência

O Instituto Nacional para a Reabilitação (INR) lançou hoje uma ação, em Lisboa, que pretende dar origem a um movimento nacional para promover a empregabilidade das pessoas com deficiência.

A iniciativa de dois dias "Empregabilidade para Todos", realizada em parceria com o Instituto da Segurança Social, o Instituto de Emprego e Formação Profissional e a Casa Pia de Lisboa, arrancou hoje no centro comercial Colombo, com a atuação musical do Projetos Ritmos - Casa Pia de Lisboa.

Em declarações à agência Lusa, o presidente do INR, Humberto Santos, explicou que o objetivo é fazer "uma reflexão pública, no espaço aberto, onde qualquer cidadão que está no seu espaço de descanso, se quiser pode parar e refletir um pouco sobre a dimensão da empregabilidade".

O evento também pretende "chamar empregadores, empreendedores" e entidades e pessoas que tenham "um trabalho muito interessante" junto das pessoas com deficiência", disse Humberto Santos.

"O que nós queremos é dar visibilidade, dar centralidade a esta dimensão e também afirmarmos desta forma que as questões de empregabilidade das pessoas com deficiência não é uma questão que tem a ver com um instituto público ou com uma empresa, mas com todos nós", frisou.

Para o presidente do INR, a união de todos pode contribuir para combater o "indicador pouco simpático que existe em torno do desemprego das pessoas com deficiência", que estão entre os grupos com "maior índice de desemprego".

Questionado sobre a taxa de desemprego nesta população, Humberto Santos disse que não há dados concretos sobre esta realidade.

No entanto, apontou dados da União Europeia, segundo os quais as pessoas com deficiência estão, em média, "desempregadas entre duas a três vezes mais que os restantes concidadãos".

"Há quem diga que no caso de Portugal este rácio é superior, mas nós, Instituto Nacional para a Reabilitação, não temos de facto dados que possam validar essa afirmação", frisou.

Como dificuldades para a contratação destas pessoas, apontou o "muito desconhecimento" que ainda existe relativamente às suas "capacidades e competências".

"Acreditamos que no dia em que os empregadores públicos e privados perceberem que estas pessoas têm um potencial ativo para as suas organizações, certamente muita da realidade que hoje estamos a viver pode vir a ser alterada", salientou.

Contudo, isso só irá acontecer quando "entidades públicas e privadas se juntarem para demonstrar os bons exemplos", "as potencialidades que existe nesta dimensão e poder haver mais oportunidades para as pessoas com deficiência".

Humberto Santos manifestou desejo de que esta iniciativa seja replicada "noutros pontos do país, noutras datas, com estes e com outros parceiros", para que de "forma gradativa" vão avolumando os "bons exemplos e novas práticas" e contribuir assim para "a empregabilidade das pessoas em Portugal".

 
Fonte: http://www.dn.pt/lusa/interior/movimento-pretende-promover-empregabilidade-das-pessoas-com-deficiencia-7208803.html